terça-feira, dezembro 30, 2008

Rábula sobre 31 de Janeiro

Ontem, peguei nas últimas páginas do Destak e fiz um telefonemazinho para o Prof. Bambo.

"Estô siiim?"
"Prof. Bambo, bom dia! Como está?"
"Estô beeem, e você?"
"Por aqui tudo óptimo! Olhe, o que me tem a dizer do dia 31 de Janeiro?"
"31 de Janeiro? Ora béem...deixe-me ver aqui a minha bola de cristal...hmm...não está a dar luz...hmm...ah, esqueci-me de ligar a ficha da electricidade...agora sim, ora béeem...a 31 de Janeiro os astros vão estar totalmente alinhados com um ligeiro ascendente de Júpiter...e portanto..."


Silêncio


"Prof. Bambo?"
"Portanto...I Predict a Riot, I Predict a Riot!"
"Oh Prof. Bambo! Com respostas desse género...Everyday I Love You Less and Less!"
"Olhe, está a insinuar alguma coisa? A consulta chega ao fim e a bola de cristal não téeem nada mais a dizéeer...portanto, vamos resolver a questão do pagamento numa Modern Way! O pagamento é uma garrafinha de Vinho do Porto!"
"Prof. Bambo, Vinho do Porto? Isso ainda é carote!"
"E para mim não pode ser uma qualquer...eu só bebo Ruby Ruby Ruby Ruby!!"
"Hmm...Na na na na naaa!!"
"Pronto...eu aceito do mais foleirinho porque Everything is Average Nowadays!"
"Prof. Bambo, se tem mesmo que ser...vidas! É o mote para me despedir!"
"Vá lá à sua vidinha...e nunca se esqueça: Never Miss a Beat!!"

A modos que é isto...
Moral da história: lá estarei...vicissitudes das loucuras natalícias financeiras!

segunda-feira, dezembro 22, 2008

Bom Natal



Que o Menino Jesus vos encha de Luz e permita à vossa família ser também um Presépio!

Natal...a febre das meias!!

Este post é para lançar a discórdia e a competição feroz entre os frequentadores deste tasco.

Tenho o prazer de anunciar que está oficialmente aberta a época do "sou-tia-e-portanto-vou-oferecer-um-par-de-meias-ao-meu-sobrinho-como-prenda-de-Natal"!

Meus amigos, ainda não estamos no dia 25 de Dezembro e o Gil já recebeu o seu primeiro par de meias! Por estes lados não se brinca, esta gente leva a época muito a sério!

Que dizem a uma competição para ver quem recebe mais pares de meias pelo Natal?

Epah, calma lá...não é preciso tanto entusiasmo!
Eis as regras: quem receber mais meias tem como prémio a oportunidade de trocar um par de meias por uma caixa de chocolates de cada um dos derrotados. Portanto, um par de meias por: ou uma caixa Ferrero-Roché, ou uma caixa de Toblerone, ou uma caixa de Chocolate Nestlé, ou uma caixa de Kinder...

Gil falta aí a caixa de Món Chéri...

Epah, podes ficar com ela...tem licor, não vou nessa!

Que vos parece? Pouco tendencioso não? Então vamos lá jogar!



Digam lá se estas que eu recebi não me ficam bem?

sexta-feira, dezembro 19, 2008

"Olhos nos Olhos"

Epah, esta semana saiu-me a sorte grande...


Situemo-nos: Terça-Feira, 16 de Dezembro, Jantar de Natal dos "compinchas da vida airada" do meu ano de curso. Que grande comezaina...grande não, diria antes ÉPICA pela enorme quantidade de géneros alimentícios a encher a mesa para refastelar esta juventude que ainda vive na ilusão de que está em fase de crescimento (eu já me deixei dessa ilusão há muito tempo...anos, diria...). Aquilo é que foi encher o bandulho! Imaginem que o prato principal foi Rancho! Que raio? Quem faz Rancho numa ceia de Natal...epah, deslocado ou não da época, estava capaz de despertar em nós um intenso orgasmo gostativo! Parabéns á cozinheira! E as entradas? E as sobremesas? Ai aquela mousse de maracujá(fruta da paixão para os amigos)...e o pão-de-ló caseiro?...E aquele bolo-esquisito-que-ninguém-sabia-o-nome-mas-que-era-dos-lados-da-Póvoa-do-Lanhoso-e-que-era-extraordinariamente-delicioso?
Éramos 18 pessoas sentadas numa mesa, gargalhadas como banda sonora, grandes doses de parvoíce (Castigadores da Parvoíce onde é que andaram naquela noite??)...resumindo, uma noite bem quente!
Já que o Rancho fugia à tradição...a troca de prendas veio equilibrar o barómetro das tradições: ainda aparecia a "ASAE dos bons costumes" e boicotava toda aquela reunião natalícia pelo facto de haver Rancho naquela mesa. Ou então obrigava-nos a mudar o nome da reunião: ao invés de Ceia Natalícia passaríamos a ter a "Noite Anual de Reunião dos Jogadores da Malha de Trás-os-Montes que é malta rija que come Rancho!" ( Mas...onde é que fui buscar isto?)
Onde é que íamos? Ah, troca de prendas...e agora sim, depois de toda esta contextualização, eis o motivo da sorte grande...saiu-me isto na rifa:





Não é um livro que está entre "aqueles grandes livros" de que todos se gabam de ter lido...mas é sem dúvida um livro com a experiência do "olho clínico" de alguém que insiste em ensinar-nos algo com a leveza do prazer e não com o peso cerimonial da ciência...e capaz de despertar a boa-da-gargalhada-solitária-contida quando vamos sozinhos no Metro ou Autocarro...a gargalhada de quem goza consigo mesmo por ligar sempre o complicómetro em algo que se quer simples. Sim, não julguém que estas histórias acontecem só aos outros...um bom livro para aprender, gozando com os outros...para perceberes que gozar contigo mesmo é uma boa forma de aprender...to keep it simple!


Gil, um post tão comprido? Pois é...entrei de "férias". (Espero que tenham percebido a conotação das aspas...)

segunda-feira, dezembro 08, 2008

Ah Rouxinóis!!



Epah, o medinho é muito...mas tenho a certeza que vamos pôr a plateia a bater o pé ao ritmo da música! Quanto a mim...mais beleza do que propriamente boa voz!

Mas, quem é que se riu??

Posto isto...Vai Coro!!

segunda-feira, dezembro 01, 2008

Cai neve em Nova York...e olha que em Montalegre também!

Olha lá o Larouco branquinho!


Epah, parece postal...



Montalegre...ah que riqueza!


Continuo a achar que este lugar tem qualquer coisa...
Vá, não se roam de inveja porque eu não pude lá estar...enquanto uns andam a passear, a "chafurdar" na neve e a ficar presos durante a noite no IP4...outros ficam em casa, a dar no duro...é a viding!